DONA GOMA
— desde 2018 —

Um serviço diferenciador de engomadoria para dar resposta à azáfama do dia a dia

Ao passar na Avenida Dr. Renato Araújo, em São João da Madeira, é muito provável que repare na montra e pare à frente da porta do nº100. A loja convida-nos a descobrir os seus serviços e acabamos por nos aperceber que, mais tarde, temos de dar um saltinho à Dona Goma para pôr a nossa roupa «em linha». Carla Vinagre tem todas as ferramentas para o fazer, incluindo um serviço flexível ao domicílio que facilitará a vida à pessoa mais atarefada.

Por vezes, a necessidade de criar um negócio advém de uma necessidade pessoal e foi precisamente o que se passou com Carla.
Licenciada em marketing e gestora de uma grande empresa em Portugal, esta jovem mãe começou a sentir dificuldade em conciliar as suas responsabilidade profissionais e a vida pessoal. Por outro lado não conseguia encontrar soluções versáteis para a sua vida atarefada, nomeadamente um serviço de engomadoria que a libertasse para prioridades mais prementes. Após pesquisar o mercado de São João e arredores, concluiu que não havia uma resposta eficaz, principalmente, no que diz respeito ao serviço de entregas. Decidiu criar o seu próprio negócio para colmatar essa lacuna e, simultaneamente, ter um estilo de vida que lhe permitisse focar mais na sua família. Criou uma marca com uma imagem forte e abriu a Dona Goma, com uma decoração refrescante e brio impecável. A loja encontra-se apetrechada das máquinas mais avançadas que garantem um trabalho perfeito, claro está, sempre manuseadas pelas cuidadosas mãos de Carla e Clara.

Estabeleceu ainda parcerias com empresas para oferecer descontos aos colaboradores e está a negociar a possibilidade dessas mesmas empresas oferecerem vouchers, para pontuais serviços gratuitos de engomadoria. Na perspetiva de Carla, a natureza prática dos seus serviços será mais apelativa aos colaboradores que outro tipo de ofertas.

Lamenta que não haja formação substancial para este tipo de serviços, uma vez que se trata de trabalho delicado, que requer saber palpável e técnica apurada, contudo já pensa em organizar workshops para contrariar a tendência.
Os sanjoanenses já começam a aderir ao conceito, porque como diz Carla, "uma boa peça (de roupa) não engomada, não é valorizada".  
Dona Goma

 

2018-04-19T10:11:47+00:00